Inmetro recebe delegação da Arábia Saudita

Na última sexta-feira (05/07), uma delegação da SASO (do inglês, Saudi Standards, Metrology and Quality Organization), órgão de normalização, metrologia e qualidade de Arábia Saudita, foi conhecer o Campus de Inovação e Metrologia do Inmetro e as atividades desenvolvidas pelo Instituto nas áreas de metrologia científica e industrial, regulação de segurança de produtos e proteção do consumidor, com destaque para o Sistema Inmetro de Monitoramento aos Acidentes de Consumo (Sinmac).

Este foi o encerramento de uma semana de visitas organizada pelo Inmetro, em parceria com a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), para a comitiva saudita, com o objetivo de trocar experiências e ampliar o diálogo para futuras cooperações.

Entre a programação, destaca-se a participação da delegação, em Brasília, na cerimônia de assinatura das novas portarias que regulamentam, em âmbito nacional, o processo para retirada de produtos e serviços perigosos do mercado de consumo (recall). Eles também estiveram na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e no Procon do Distrito Federal.

“Pudemos compreender o atual modelo regulatório do Inmetro na área de segurança de produtos e as mudanças que estão sendo introduzidas para aperfeiçoá-lo. Agora, vamos pensar sobre como podemos estreitar nossa cooperação”, afirmou Masaed Almotari, diretor do centro de monitoramento e alerta rápido para produtos perigosos (RASID) e líder da delegação saudita.

O coordenador executivo da Diretoria de Avaliação da Conformidade, Paulo Coscarelli, lembrou que, além das discussões relativas à segurança de produtos, também foi importante a troca de experiências com a Arábia Saudita sobre o novo modelo regulatório que está em curso no Inmetro. O país árabe iniciou este mesmo processo há cerca de dois anos e meio, em um contexto de modernização de sua infraestrutura da qualidade, e segue um modelo semelhante ao que o Brasil quer adotar.

A visita foi articulada pela Diretoria de Avaliação da Conformidade e pela Coordenação-Geral de Articulação Internacional, contando com o apoio da Diretoria de Metrologia Científica e Tecnologia.